30 de março de 2016

“Urgente – Procura-se funcionários empreendedores”

Marisa Fonseca Diniz


Foi-se o tempo em que a oferta de empregos ao redor do mundo era abundante chegava a faltar profissionais competentes para executar funções pré-determinadas, porém com o evento da globalização, da reengenharia e as diversas crises econômicas e políticas este tipo de individuo executor foi perdendo seu valor de mercado dando lugar àqueles que tinham o perfil de empreendedorismo. O profissional empreendedor é muito mais adaptável às mudanças econômicas e políticas, além de ser uma pessoa criativa e otimista.

Num primeiro olhar pode parecer estranho que este tipo de profissional exista, apesar de ser considerado raro, atualmente é muito requisitado pelas empresas que querem ser competitivas no mercado atuando de maneira rentável. Não importa a geração na qual o profissional pertença sejam boomers, x,y ou z todos eles devem ter consciência de que o mercado de trabalho mudou, e quem não se adaptar as novas regras não terá chances de uma boa recolocação.

Anos passados os profissionais estavam acostumados a se formarem nos cursos técnicos ou na faculdade, e logo tinham sede de executar tudo que tinham aprendido em seus cursos sem ter o trabalho de se atualizar ou querer aprender novas técnicas, não apenas da sua área de atuação, e sim em todas as demais relacionadas ao seu dia a dia de trabalho, o que atualmente deixou de ser um perfil interessante às empresas. O comodismo e a resistência têm obrigado as empresas a se adaptarem a novas técnicas e processos globais para serem mais competitivas no mercado internacional.

Profissionais que antes eram requisitados apenas por terem feito faculdades ou cursos de primeira linha, hoje tem sido dispensados por não terem algumas características tão importantes à adaptação do novo perfil empresarial. O indivíduo acomodado, reclamão, chorão, resistente, crítico está cada dia mais longe de conseguir uma nova recolocação no mercado.

Em contrapartida, o profissional que tem uma visão mais ampla,  autodidata, que não tem medo de correr riscos e criativo tem melhores chances de se adaptar ao novo conceito profissional que as empresas procuram e tão necessários em momentos de crise. O mercado de trabalho procura profissionais que não tem medo de fracassar, o perfil empreendedor deve possuir as seguintes características:

ü Ter iniciativa;
ü Assumir riscos;
ü Coragem para enfrentar desafios;
ü Identificar oportunidades;
ü Domínio sobre o negócio;
ü Ser organizado;
ü Ter capacidade para planejar;
ü Ter capacidade analítica;
ü Ser dinâmico;
ü Ser independente;
ü Ser Eficiente;
ü Ter qualidade;
ü Ser líder;
ü Ter tino empresarial;
ü Ser Otimista.

Profissionais sem estas características nos dias atuais estão fadados a ficarem se lamentando sempre que perderem uma boa oportunidade de trabalho. Na atual crise, as empresas não podem perder dinheiro com funcionários pessimistas e sem visão de futuro.

No Brasil principalmente o custo de se manter um empregado registrado é muito alto, por isso quem não estiver ciente da necessidade de se adaptar as mudanças vai ficar meses e anos perdendo espaço para profissionais perspicazes e audaciosos que sempre buscam desafios.
De que lado você profissional prefere ficar?

Artigo protegido pela Lei 9.610 de 19 de fevereiro de 1998. É PROIBIDO copiar, imprimir ou armazenar de qualquer modo o artigo aqui exposto, pois está registrado.


 Licença Creative Commons

O trabalho “Urgente – Procura-se funcionários empreendedores” de Marisa Fonseca Diniz está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.



2 comentários:

  1. Marisa tenho as características acima e já tentei montar meu próprio negócio. Sou professor de educ. física com pós graduação em adm e mkt esportivo. Ofereço meu trabalho em escolas para organizar eventos esportivos e não tenho êxito nem mesmo a oportunidade de uma reunião. O que devo fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No começo nada é fácil, mas se você manter o foco e for uma pessoa determinada jamais desistirá nas primeiras negativas. Insista na sua empreitada e tenha um diferencial de mercado que atraia a atenção dos seus prospects e sucesso!

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.