11 de fevereiro de 2018

As inovações da Arquitetura em Ferro


Marisa Fonseca Diniz

Durante a segunda metade do século XIX, o conceito arquitetônico era baseado na imitação de estilos do passado, a escolha ocorria em geral, segundo a função do edifício e sua localização. As igrejas eram de estilo gótico, mas as construções oficiais erguiam-se em estilo classicista, sendo que o uso estava sempre condicionado a um estilo histórico.



O ferro utilizado como material auxiliar da construção atingiu seu auge quando surgiu a possibilidade de se fabricar em série peças de ferro fundido que podiam ser transportadas e montadas de modo rápido e fácil. Os engenheiros idealizavam os desenhos de maneira rústica, sem a beleza da arquitetura que deveria ser histórica e baseada em um estilo.

O ferro inicialmente utilizado na construção de pontes ganhou popularidade nos pavilhões das exposições universais, tais como:

The Crystal Palace: 



Desenhado por Joseph Paxton, o edifício possuía 564 metros de comprimento, altura de 33 metros feita em ferro fundido e vidro erguido no Hyde Park em Londres construído para abrigar a Grande Exposição de 1851.

Galeria de Máquinas C.L.F. Dutert e V. Contamin:



A obra da galeria e a empresa de engenheiros foram construídas em ferro maciço com distância na base de sustentação de 117 m.

Torre Eiffel:


Alexandre Gustave Eiffel construiu a torre em ferro forjado com 305 metros de altura. 



O ferro foi utilizado também em outros tipos de edifícios, como a sala de leitura da Biblioteca Nacional, em Paris, obra de Henri Labrouste, 1862, acomodando-se próximo as formas históricas gerando espaço diáfano.

O desenvolvimento dos meios de transporte proporcionou uma série de novas construções de pontes de ferro, e a criação de novos equipamentos como as estações de comboios. A inovação das construções fez com que a engenharia utilizasse o ferro fundido na construção civil, que além do uso na produção de máquinas, também era utilizado em pontes, canais, aquedutos, ferrovias, colunas, janelas, gradis, bancadas, mercados e estufas.




Thomas Telfor, engenheiro civil foi referência na utilização do ferro como matéria-prima de pontes, canais, estradas e portos, além de ser um dos maiores construtores de estradas da Inglaterra. A ponte Craigellachie localizada na Escócia possui aproximadamente 46 metros de comprimento foi um empreendimento revolucionário à época da sua construção (1812 – 1814), pois usou um arco de extremamente delgado no qual não seria possível ser utilizada com construção de alvenaria tradicional. Em cada extremidade d estrutura há duas torres de 15 metros de alvenaria estilo medieval, que apresentam seteiras e ameias em miniaturas.

Outras obras importantes de Thomas Telfor são a Waterloo Bridge sobre o rio Conway construída em 1815 e a Galdon Bridge sobre o canal Birmingham de 1829.



Apesar de toda inovação estrutural no decorrer dos séculos, a arquitetura em ferro associada à tecnologia da engenharia civil se modernizou, e nos dias atuais vem sendo utilizada, principalmente nos arranha-céus de escritórios, sendo o Leiter Building um dos edifícios pioneiros da arquitetura moderna umas das correntes precursoras. Os movimentos vanguardistas europeus adotaram o aço como símbolo das conquistas técnicas e do progresso cultural, assim como nos Estados Unidos da América. No início dos anos 1900, este sistema construtivo marcou profundamente as produções arquitetônicas de movimentos como a Arte Nova e a Secessão Vienense.


Artigo protegido pela Lei 9.610 de 19 de fevereiro de 1998. É PROIBIDO copiar, imprimir ou armazenar de qualquer modo o artigo aqui exposto, pois está registrado.

Licença Creative Commons
O trabalho As inovações da Arquitetura em Ferro de Marisa Fonseca Diniz está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em https://marisadiniznetworking.blogspot.com/2018/02/as-inovacoes-da-arquitetura-em-ferro.html.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.